quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Feliz ano novo!

Quem é meu "amigo de Orkut" (uia!) já recebeu os meus votos de ano novo, mas como eu sei que tem pessoas sérias, ocupadas e que não têm tempo à perder com aquela porcaria (viciante!) do Orkut, aí vão os meus desejos pra vocês, pessoas decentes:)

Um ano novo de muita paz, luz, sabedoria, grandes conquistas... E alguns pecados agradáveis e bem sucedidos, porque ninguém é de ferro, né, meu povo!!!

:D

E que venha 2009!

Selo Pink Luxo


A Thay me mandou esse selinho e eu ameieieiei! Tô adorando essa coisa de receber e repassar selinhos, loosho!

Repasso o selinho para três colegas que têm blogs cheios de glamour:) 

E a Aninha, do Prendadas.

Muita purpurina pra vocês em 2009, moças!

:D

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Top Five

A Aninha, do Prendadas sugeriu que nós, blogueiras, listássemos os 5 melhores posts de 2008, pra relembrar o que já passou por aqui, ou pra quem está chegando agora, conhecer um pouquinho mais da gente. Como eu nunca gosto de ler o que escrevo (depois de um tempo, acho que tudo poderia ser escrito de uma forma melhor) foi difícil eleger 5 bons posts. Mas, aí estão:


Então, é isso...

sábado, 27 de dezembro de 2008

Retrospectiva 2008

Muitas esperanças
Uma perda dolorosa
A cura
Um blog novinho em folha
Muita gente nova
Algumas conquistas
Um ano de loja
Dois anos da Dona Fifi
Algumas tristezas divididas
Muitas alegrias compartilhadas
Um bocado de lágrimas derramadas
Várias gargalhadas distribuídas
Um pedido de casamento
Uma festa pra comemorar
Uma casa pra morar
Um problema
Uma solução
Uma proposta
Uma nova parceria
Uma notícia ruim
Muitas lágrimas
Um pedido
Uma resposta
Uma alegria imensa
Um coração tranquilo
Muitas esperanças...

P.S.: Serei sempre, muito, infinitamente grata a Deus, por estar sempre em minha companhia, atendendo aos desejos do meu coração de forma tão grandiosa, e por me dar a companhia de todos vocês, gente querida, que embora eu nunca tenha tocado (com as mãos) tem me tocado de forma tão profunda, com incentivos e palavras tão doces...

P.S.2: Minha tia está muito, muito melhor! Obrigada pelas orações e pela torcida!


sábado, 20 de dezembro de 2008

A 1ª vez a gente nunca esquece!

Ainda sou novinha aqui na blogosfera, é bem verdade. Talvez por isso, eu esteja tão feliz com o prêmio que acabo de receber! Ele veio da queridíssima Micheline, do Moda, cadê meu estilo?


"Esse prêmio é dado aos blogueiros que transmitem valores culturais, éticos, literários, pessoais, etc. Que, em suma, demonstram sua criatividade através do pensamento vivo que está, e permanece intacto entre suas letras, entre suas palavras. Esses selos foram criados com a intenção de promover a confraternização entre os blogueiros, uma forma de demonstrar carinho e reconhecimento por um trabalho que agregue valor à Web"

Como missão, tenho que seguir três regras:

1. Exibir a imagem do selo
2. Apontar o blog pelo qua recebeu o prêmio
3. Indicar 15 blogs para receber o "Prêmio Dardos"

Mãos à obra, vamos as indicações:

Lu Brasil, da Lu
Prendadas, da Aninha
Amores de Lilith, da Lilith
.Tow bege, da Thay

Fico devendo os outros 5 pra próxima, é que quase todo mundo já ganhou:P

A virada

Ainda estamos em 2008. O ano novo nem chegou e a minha vida já deu uma virada! Das grandes...

Tantas coisas acontecendo de uma só vez que chegam a deixar a gente meio estabanada, sabe?

Pra começar, a casa saiu, acreditam? Depois daquela novela toda, finalmente conseguimos. Eis uns dos motivos da minha ausência por aqui. Na última semana corremos tanto pra resolver isso, mas finalmente agora temos um teto, em nosso nome, registrado em cartório. Nem dá pra acreditar!!!

Tem também a Dona Fifi, que está em sua melhor fase. Nunca fez tanto sucesso! E olha que ela ainda é uma bebêzinha, tem só 2 aninhos... mas já tá com tudo! Pense num orgulho de ver nossa cria crescendo :)

E nós, eu e Dieggo, fomos contratados pelo CBCM, agora vamos prestar nossos serviços de consultoria em marketing e comunicação. Uma surpresa tão boa, uma alegria tão grande em ver nosso trabalho reconhecido, admirado... Tão bom ter um novo projeto em mente! Agora é que não teremos tempo pra mais nada nesse mundo. A partir de janeiro, a gente cai na estrada pra realizar as ações de divulgação do Colégio. Mas estamos tão empolgados!!!

Enfim, Deus nos deu tudo aquilo que desejavam os nossos corações. Pra falar a verdade, acho que Ele me deu muito mais do que eu merecia, afinal, sempre foi assim, sabe? Eu peço e Ele (generoso que é) me dá de imediato, mas sempre numa versão mais caprichada, melhorada... Sempre me dando mais do que mereço. Ele deve gostar muito mesmo de mim :)

Com tudo isso, eu deveria estar pulando de alegria né, gente? Mas tô aqui, tristinha, aflita... Ontem compus um pranto enorme (era só o que a minha inspiração permitia) porque meu coração tá tão apertado! Minha tia querida está dodói. Em coma induzido, na UTI. Ela adoeceu, deu entrada no hospital, achávamos que não era nada grave. Porém, sexta-feira passada veio o diagnóstico: Pneumonia e pancreatite. Daí ela foi entubada...

Agora está estável, embora os médicos alertem que o seu caso é grave. Nós da família, que ainda estamos com a cicatriz aberta por uma perda dolorosa no início deste ano, estamos contando com a misericórdia divina para acalmar nossos corações.

E eu continuo agarrada a Ele, que sempre me atende com tamanha prontidão, pedindo que não nos desampare,  e que, mais uma vez, atenda aos meus pedidos, embora eu saiba que não mereça tanto...

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Votem em mim!

Eu sempre me animo pra participar desses concursos que aparecem na blogosfera, mas como vivo numa correria sem fim, nunca dá tempo, pois quando vejo, já passou a data. Acontece que dessa vez foi diferente!

Gostaria de informar a vocês, queridos leitores, que estou concorrendo ao título de "Miss Simpatia da Blogosfera" um luxo, né?

Quase fico de fora, mas ainda deu tempo de participar, sem direito a grandes produções, é verdade, mas tá valendo!

Eu sei que as outras candidatas me botam no bolso, mas prometo mandar um cartãozinho de natal pra quem votar em mim:)

Vota aqui, tah?

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

A festa é sua, a festa é nossa...


Quando o Zeca Camargo falou no Fantástico que esse ano a campanha de final de ano da emissora seria feita por nós, reles mortais, pensei: "Uau! Essa é a minha chance de aparecer na Globo!".

Como adoro produção, edição, tudo que se refere a vídeo, fui logo pensando em mil idéias pra fazer o meu VT. Daí que minha irmã (atenta que ela só) foi logo me desanimando quando anunciou que os vídeos só poderiam ser enviados até 15/11. Atolada de coisas como eu estou, nem que eu fosse a Jeannie (não, "Jeannie é um gênio" nem é do meu tempo!) seria possível!

Até que depois, em um desses raros momentos que eu posso me dar ao loosho de ver TV, eu vi que era até 15 desse mês. Pronto, me animei de novo! E de novo eu fui pensando em mil idéias, afinal, não é todo dia que a gente tem a chance de aparecer na Globo, né? Então fiquei super animada, feliz, alegre e contente, até que...

... Até que vi o 1º VT no ar e vi que não dá pra ver coisa nenhuma. Você tem que ser uma pessoa mooointo conhecida, ou pior, você tem que conseguir se reconhecer muito bem, a ponto de identificar o seu rosto em um Vt onde é praticamente impossível identificar qualquer coisa!

Quequé isso! Aparecer na Globo sem nem mostrar a minha cara direito?!

E eu achando que seria fácil...

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Solidariedade


Não aguento nem assistir na TV, que me dá um aperto tão grande no coração e na garganta... Queria ter muito dinheiro, pra ajudar. Queria cuidar de todas aquelas crianças. Queria poder evitar que elas passassem por isso, mas não posso.

(...)

E a gente aqui, reclamando do calor.

Pra saber como ajudar, clica na imagem que cresce. 

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Fofo!

Meu Gmail agora tá lindo assim:) Adorei!

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Nem tanto, nem tão pouco.

Pessoinhas muito quietinhas e caladinhas me assustam. Sobretudo se forem frias, não demonstrarem suas emoções e manterem uma calma constante. Porque eu não acredito em nada constante.

Por outro lado, pessoas muito efusivas também me deixam sempre na defensiva. Sorriem demais, falam demais, abraçam e beijam demais... Respeitam o seu espaço de menos!

Por ironia do destino, esses são os dois tipinhos de gente que mais me aparecem. E eu não conheço ninguém que tenha a cara de plástico, pra viver sempre sorrindo. Mas o tanto de gente que tem a cara de pau, aí sim, eu conheço aos montes!

P.S.: Eu a-do-ro calor humano, mas só quando vem de gente de verdade. Copiou?


terça-feira, 25 de novembro de 2008

Oi, lembra de mim?

Não, meu povo, eu não continuo a mesma. E os meus cabelos... Também não! Já falei aqui do meu processo de ficar loira né? Pois é, tenho mania de mecher nos cabelos, seja na cor, no corte... Não consigo ficar "igual" por muito tempo. Aí dessa vez, radicalizei! 

Quando Dieggo me conheceu, eu estava no processo inverso, tentando ficar morena, e ele sempre pedia pra eu ser loira de novo, mas eu tava tão enjoadinha que nunca aceitei, até agora. Então, pra evitar que ele tenha fantasias sexuais com a Gisele, a Ana Hickman ou a Grazzi Massafera (sim, ele só gosta de mulher magérrima) me rendi ao descolorante.

Porém, como sempre, ele prefere achar que eu fiz isso por mim, por causa do meu TOC ou por qualquer outro motivo, menos para agradá-lo... Homens!

Eh que ele acha que a pessoa fria, egoísta e insensível que eu sou é incapaz de fazer um mimo desses pra o homem que ama.

Deve ser porque eu vivo dizendo que vou colocar água quente no ouvido dele enquanto ele dorme, caso ele chegue a me trair. Ou então que vou cortar o pinto dele se ele arrumar outra. Enfim, essas coisinhas meigas que a gente fala pro companheiro, sabe?

Mas o que eu queria mesmo é que ele soubesse que eu quero ficar linda - e loira - só pra ele! Né lindo isso?! Tô tão romântica, acho que ando lendo muito o blog da Ju.

Por fim, deixo uma foto da cabeleira nova, com minha tentativa (frustrada) de fazer cara de "bonitinha, mas ordinária" só pra matar ele do coração.

Taí, amor:


sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Acorda, Maria bonita!

Costumo dormir entre 01h e 03h da manhã. Às 09h eu saio da cama, mas só acordo por volta das 11h.

Sou como criança, fico "chatinha" quando estou com sono e quando acabo de acordar. Quem não me conhece bem, sempre estranha. Daí quando preciso resolver algo cedo, assim que acordo, sempre escuto a pergunta: "O que você tem? Tá triste?" Ainda bem que geralmente Dieggo tá do lado pra responder: "Num é nada, não. Eh que ela não acordou ainda."

Ontem eu nem sei que horas fui dormir, porque estava tão cansada que, de repente, puf! Apaguei...

Como de costume, levantei às 09h, e até agora, amiga leitora, ainda não acordei de fato.

Então vai a pergunta: Alguém aí conhece algo capaz de me deixar ligadona, pra ver se eu dou conta de ao menos metade das minhas obrigações?

Só não vale sugerir drogas muito pesadas, please! Eu nem tenho grana pra isso e nem quero acabar como a Amy (Winehouse).

Enquanto as idéias não chegam, vou ali preparar um café beem forte, ok?
Besos ;)

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Tô passando...


Oi, people! Incrível como todos os blogs amigos que ando visitando (nas minhas escapadinhas) vejo posts sobre a ausência de posts! O que é isso, gente? Todo mundo sem tempo... Será o fim da blogosfera? Pode não! 

O fato é que, como diz a Aninha, enquanto a gente não descobrir um jeito de ganhar dinheiro blogando, vai ser essa correria, aff!

Por falar em correria, deixa eu voltar pros meus afazeres. Ah, e por falar em afazeres, ando me aventurando na cozinha ultimamente, acredita?

Pois é, agora além de blogueira, publicitária, empresária e quase loira, agora eu também sou amélia!

"Faz parte do meu show, meu amooooor!"

Vou nessa, passei só pra deixar um beijo e agradecer os comentários. Prometo voltar com mais tempo, pra fazer um post decente, ok?

Cheirinho procês:)

quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Olha eu aquiii!

Gente, quanta saudade!!! Tanta coisa aconteceu nos últimos dias que nem tive tempo de vir aqui papear com vocês. O post hoje vai ser grandeee!

Sabe aquele projeto? Terminei. Mas aí, vieram outros tantos. Uma coisa foi puxando a outra e agora eu tô atolada até o pescoço mais essa semana. Graças a papai do céu, que me abarrotou de trabalho! E eu achando que não seria doce o meu novembro...

Bom, mas como eu falei aí em cima, vocês não tem noção do tanto de coisas que me aconteceram nesses dias em que estive ausente. Na tentativa de ficar loira, pintei meus cabelos uma dez vezes e descolori umas quatro. O máximo que consegui foi ficar com as madeixas alaranjadas, até encontrar alguém que consertasse o estrago. Agora tá bem melhor, mas fico devendo a foto, tá?

Tive uma puta crise de raiva (ódio mesmo, pra ser mais exata) mas acho que aos poucos, as coisas vão se arrumando. Já passou, já passou...

Ah, e sabe a história da casa? - Se não sabe, vasculha os últimos posts por aqui- Pois acreditam que ainda não largamos o osso? Parece que demos um jeito, mas não quero comemorar antes, não dessa vez!

Bem, entre estas aconteceram tantas e tantas coisas mais, que eu nem lembro agora, mas vou contando aos pouquinhos, ok?

Vou ficando por aqui, dei uma escapadinha pra postar e ainda quero visitar alguns blogs queridos. Beijo pra vocês, obrigada pelos comentários! Vocês são fofas demais:)

Torçam por mim, que se eu continuar nessa vibe, logo a gente abre um champanhe pra comemorar!!!

:D

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

Eu voltarei!

Olá, meu povo! Passei aqui rapidinho e escondidinho só pra desejar a vocês um final de semana cheio de boas surpresas, e dizer que ficarei ausente por uns dias. Tenho que entregar um projeto na próxima segunda-feira, senão vou ferrar com a minha vida e com a de um monte de gente. E moça responsável que sou, não posso fazer isso né?

Entonces, até a volta!
Juízo, hein?
(Pero no mucho!)

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Meme

Estou me sentindo chic e poderosa, é a 1ª vez que me indicam pra participar de um meme, uia! Quem me deu a missão foi a queridíssima Aninha, do Prendadas. As regras são as seguintes:

- Escrever uma lista com 8 coisas que sonhamos fazer antes de ir embora daqui;
- Convidar 8 parceiros de blogs amigos para responder também;
- Comentar no blog de quem nos convidou;
- Comentar nos blogs dos nossos convidados para que saibam da "convocação";
- Mencionar as regras.

Feito isso, vamos para a minha lista de desejos:

1. Ver a minha família bem estruturada e muito, muito feliz;

2. Ser uma pessoa bem estruturada (não psicologicamente, tá? Nem tanto!) e excessivamente feliz;

3. Casar e morar numa casa linda e bem aconchegante;

4. Ter a silhueta daquela tal de Gisele;

5. Ao menos uma vez por mês, passar um dia inteirinho no shopping, comprando tudo que eu tiver vontade, e ouvir Dieggo dizer: "mas só isso, amor?";

6. Abrir a minha agência de publicidade;

7. Conhecer o México e tomar tequila até sair na rua dançando a "Macarena";

8. Ter pra sempre essa saúde de ferro que Deus me deu (obrigada, papai!) pra poder fazer tudo isso e muito, muito mais!

Tarefa cumprida, vamos às indicações:









Agora é com vocês, meninas!

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Pra não dizer que eu não falei das flores...


"Sabe aquela nossa flor? Aquela que plantamos juntos e cultivamos, dia após dia? Resolvi que vou fazer com ela o mesmo que você... Vou arrancar pétala por pétala bem devagar, aos poucos, para que ela não sofra tanto. E depois que ela morrer? Bom, depois a gente não vai ter mais nenhuma flor pra cuidar."


Parece que não será doce esse meu novembro...

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Uma breve reflexão


Quem diabos inventou essa história de que os homens são mais práticos que as mulheres?

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Abstrai!


- Maria, fudeu!

Foi isso que Dieggo me disse após receber um telefonema do cara da Caixa, com o qual iríamos assinar o contrato na próxima segunda-feira, pra comprar nossa casinha.
Iríamos porque, a esta altura do campeonato, depois de gastarmos cerca de R$ 2 mil com taxinhas e despesinhas, o cara liga dizendo que o nome dos proprietáros (vendedores) está no SPC, Serasa - e no livro de orações da Assembléia de Deus, né fia? - etc e tal.

O que isso importa, já que somos nós os compradores e não eles? Também não sei, o cara falou que são normas internas. Então, tá!

Mas o que quero ressaltar é que, após receber a notícia que eu mais temia nos últimos tempos, eu não chorei, não fiquei histérica, não arranquei um fiozinho sequer da minha cabeleira linda e morena.

Foi como se ele tivesse dito:

- Maria, a Donatela (da novela) morreu!

Entendeu? Eu simplesmente abstraí e pronto.

- Isso não é mais do meu departamento, Zé. Nem do teu. A gente já fez muitíssimo mais do que poderia pra esse negócio dar certo. Agora eu designei Alguém pra tomar conta disso pra nós. Deixei tudo na mão Dele, então vamos deixar que Ele faça como achar melhor, tá? 
Agora vem cá, num fica triste não, que te ver feliz me faz tão bem!!!

terça-feira, 28 de outubro de 2008

Dúvidas, reclamações e sugestões? Fala com Ele!


Não sou religiosa, nem vou à igreja. Mas acredito em Deus. Acredito que há uma força maior que rege o universo, acredito na lei do retorno. Não leio a bíblia, mas acredito que os dez mandamentos se resumem no primeiro, e isso é o bastante.

Já fui uma católica excessivamente praticante. No momento mais conturbado da minha vida busquei apoio no catolicismo, no budismo, no espiritismo e até me converti ao evangelho... Mas foi o tempo que se encarregou de curar as minhas feridas e de trazer as respostas que eu precisava. 

Já ouvi dizer que Deus não nos daria problemas, se eles não nos fossem necessários. E sempre acreditei que a dor nos faz crescer. Por isso, acho que cresci bastante nos últimos dias. Eu estava tão apreensiva, com o coração apertado... Pensei em largar tudo, em começar do zero, em voltar ao passado e sair fechando as brechas que foram abertas pelos meus erros. Perdi o sono e a inspiração. Mas me restou a fé, então pedi um sinal, e ele veio.

Na metade do dia, tudo (ou quase) que estava escuro se revelou. O fardo estava pesado demais, então reclamei, e Ele ouviu. Então tratou de resolver logo as coisas, como se me falasse:

"Então é isso? Tanto sofrimento por tão pouco? Tsc, tsc... Não era isso que eu esperava, não de você! Não depois de tudo pelo que você já passou... e ultrapassou! Mas tá bem, já que você está sendo boazinha, e já que pediu com jeitinho, eu vou dar o que você quer, exatamente como você quer!"

Aí Ele me deu, e agora percebo que não sou eu, e sim Ele, quem tem que resolver a maioria das coisas. As vezes eu acho que Ele já trabalha tanto, e que não é necessário incomodá-Lo, aí vou tentando fazer tudo sozinha. Até que Ele puxa a minha orelha só pra me lembrar quem é que manda no pedaço.

Desculpa, chefinho! Prometo que a partir de agora vou me comportar melhor, vou deixar que o Senhor resolva tudo... Mas será que podemos continuar conversando daqui de casa mesmo?

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Vamos?

"Vamos passear, depois do tiroteio..."

Tem alguma coisa errada...

Há alguns dias atrás, aquela alegria absoluta que habitava em mim foi embora, assim, sem se despedir, sem me dar explicações... Simplesmente foi, e pronto.

Achei que era temporário, achei que eram hormônios, que ia passar logo, que já-já ela voltaria, mas não voltou.

Não sei explicar como nem porque isso aconteceu. O fato é que estou cansada, preocupada (com o presente e o futuro) e com um medo que eu não sei de quê. Estou triste e só.

Faço o que tenho que fazer, finjo que não é comigo, que está tudo bem... Sorrio quando quero parecer gentil, mas esse peso não diminui. Se ao menos eu conseguisse chorar...

O que está acontecendo?

Não é depressão, não tenho motivos pra isso. Não acredito em inferno astral. E não, não é TPM, infelizmente!

Enquanto isso, vou vivendo. E escrevendo. Porque, como já disse aqui no blog, não conheço outra forma de curar minhas feridas, senão escrevendo os curativos.

E seguirei assim, triste... Até que alguma espécie de alegria me encontre!

sábado, 25 de outubro de 2008

Ontem

Sexta-feira à noite. Ela, deitada na cama, diz:
- Zé, eu tô com fome!
Ele, em pé diante da TV, diz:
-Pera que vou fazer alguma coisa pra gente comer.

Minutos depois, ele volta com isso aqui:

Ritmooo, é ritmo de festaaa! Rodando, rodandooo...

Agora me diz: Com um homem desse, quem precisa sair de casa pra se divertir no final de semana?

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Nada se perde, tudo se transforma!

Tudo bem que aqui não é o Prendadas nem o Superzíper, mas deixa eu mostrar meus dotes artesanais pra vocês? Quem sabe assim, a Kibon me manda um sorvete!

Eu a-do-ro camisetas básicas, sobretudo se forem brancas. Me sinto a "rainha da cocada preta" usando um jeans com camista. Amo! 

Daí sabe aquela camiseta que já está beeem velhinha, mas que tem uma modelagem que você adora? Pois essa camiseta da foto era assim, pena eu não ter tirado foto do antes, mas é só imaginar uma camiseta branca (que já não está tão branca assim) bem surrada, com alguns furinhos e nada mais. Imaginou?

Pronto. Daí eu peguei um alvejante, uma canetinha pra tecido, umas linhas, feltros e agulhas, e ela ficou assim:


No detalhe, dá pra entender melhor a idéia: Aí no meio sou eu, cercada das coisas que eu mais gosto. Pra finalizar, fiz aquele pontinho cujo nome eu esqueci - mas toda mãe sabe fazer - na gola, na barra e nas mangas.

Essa é a minha velha camiseta nova! Gostou? 
Aceito encomendas :)

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Protesto

Roubei a foto da Aninha!

A Kibon foi muito gentil fazendo isso aqui com a Mari, a Aninha e outras blogueiras amigas. Daí eu fiquei pensando: Eu também sou blogueira, não sou? Eu também amo sorvetes e chocolates, não é? Então por que será que pra mim não chegou nem um cartãozinho sequer?

Logo eu, que faço qualquer coisa por um Sonho de Valsa?! Será que é só porque eu sou pobre e moro longe?

Quer saber? Magoei!

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Estoy aquí

Caros leitores (como se eu tivesse milhões, né?) desculpem-me pela ausência nos últimos dias, mas acontece que inventei de fazer uma festinha aqui em casa e isso tomou até o tempo que eu não tinha. Como vocês sabem, sexta passada foi meu aniversário, então eu e Dieggo aproveitamos o embalo pra fazer o nosso noivado. Pois é, estou noiva! De aliança no dedo e tudo mais. A gente até já usava um anelzinho de compromisso, mas agora é aliança de verdade, ficou linda no meu dedo. Eu experimentei na mão esquerda e não gostei, achei feio. Acho que prefiro ser noiva pra sempre! (Tá bom, tô meio dodói da cabeça:P)

Mas, voltando à festa: Gente, que trabalhão! A festa foi no sábado e a minha casa está um caos desde a quarta-feira passada -  quando a gente começou a tirar as coisas do lugar - e até hoje não conseguimos colocá-las no lugar de novo, acredita? Há oito dias a gente corre como loucos, até porque, publicitário que é publicitário tem que inovar, ainda que seja apenas uma festinha simplinha, e não admite usar nada que já tenha sido usado por outro ser humano, em qualquer outra ocasião. Então a gente saiu criando tudo, da embalagem dos docinhos, passando pelo porta-guardanapos, até a lembrancinha dos convidados. Por outro lado, publicitário que é pobre, não pode se dar ao luxo de pagar pra ninguém fazer nada, então a gente teve que botar a mão na massa mes-mo!

Enfim, foi uma correria, uma confusão, uma loucura. Mas valeu a pena! Todo mundo gostou, achou tudo lindo e voltou pra casa feliz e contente! 

Ah, e a melhor parte: Ganhei milhões de presentes lindos, um monte de utensílios domésticos, e estou exercitando o meu lado "Amélia". 

Pra minha felicidade ser completa, só falta essa droga de greve acabar, pra o banco liberar a minha casinha! 


sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Aniversário

Quando liguei o PC hoje, o monitor tava assim... Lindo!


- Ei, já passou da meia-noite, já é teu aniversário!
- Não é não.
- Mas já é dia 17!
- Mas eu nasci ao meio-dia do dia 17, então ainda tenho 24.
- Isso não faz sentido!
- Faz sim! Deixa eu ter 24 anos só mais um pouquinho?!

Eu nunca mais vou ter 24 anos de novo... Droga!


quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Activia funciona?


Eu acredito em comercial de shampoo. Vejo o anúncio e já fico imaginando o meu cabelo lindo como o da Gisele. Acredito em anúncio de rímel, e sempre acho que aquela máscara vai me deixar com os cílios de uma Blythe.

Mas me recuso a acreditar que ainda tem gente que acredita no Activia. Pelamordedeus, mulheres do meu Brasil! Se você tem uma dieta equilibrada e rica em fibras (sim, isto está escrito naquelas letrinhas bem pequenininhas na parte inferior do anúncio) e ainda assim, passa 15 dias sem ir ao banheiro, até eu devolvo o teu dinheiro, e nem vou exigir as tampinhas! Mas também num vou te dar um Marinex, que eu não sou besta!

E sabe qual a parte mais incrível? Segundo a Y&R - a agência (do Roberto Justus) responsável pela campanha do Desafio Activia - a ação promocional aumentou em 70% as vendas do danone, e está enchendo os bolsos do cara da Danone. Pode?

Bem, se o Activia funciona eu não sei, mas o bom mesmo é saber que a propaganda* funciona que é uma beleza!

*Alguém aí ainda duvida que ela é a alma do negócio?

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Ao mestre, com carinho

Na foto, o mestre Aluízio Guimarães, pra quem a gente liga até hoje, sempre que a coisa aperta!

Minha primeira professora me beliscou e me pôs de castigo. Fiquei a aula inteira chorando no banheiro e depois dessa, mudei de escola. A segunda professora também não levava o menor jeito com crianças e sempre torcia o nariz quando eu chorava, porque queria a minha mãe do lado. Mudei de escola de novo.

Fui parar num colégio grande, gigantesco, público e com salas de aula lotadas. Era a 2ª série do ensino fundamental e a professora (que recebia um salário indecente) tinha que aturar 55 crianças cheias de energia. Eu continuava chorando porque queria minha mãe, mas, ao invés de me beliscar, me pôr de castigo ou torcer o nariz, a "tia" conversava comigo, bem baixinho, até eu me acalmar e depois estimulava a sala inteira à fazer poesia pra mim, e cada criança criava um versinho mais lindo que o outro, pra eu parar de chorar. Até hoje eu adoro poesia...

Mais tarde, na faculdade, encontrei professores que se tornaram amigos queridos, que eu irei admirar eternamente, pois me ensinaram não apenas a roteirizar um VT, ou a preencher uma autorização de veiculação. Eles me ensinaram a agir com ética, na profissão e na vida. Me ensinaram a ser prudente e corajosa. A acreditar na minha vontade e no meu potencial. Me ensinaram a ser o que eu sou hoje, e me ensinaram que eu posso ser cada vez melhor.
Por estas, e por tantas outras lições (de vida) eu desejo a cada um deles, inclusive à tia da 2ª série, uma vida longa, cheia de alegrias e vitórias, e acima de tudo, o reconhecimento por seu trabalho, sua doação e sua coragem.

Vocês estarão presentes nas minhas melhores recordações - que em latim, significa "passar de novo pelo coração" - e serão, pra sempre, moradores desse ranchinho que há em meu peito.
Felizes sejam os dias dos professores!

Teste idiota


Vi a dica do teste no blog da Júlia e corri lá pra fazer. O nome do teste é “Teste idiota”. Mas por incrível que pareça, apenas 1,2% daqueles que o fazem conseguem resolvê-lo na primeira tentativa. Eu já estou na terceira...
Veja se você é mais esperto do que eu, faça o teste aqui e me diga o resultado!
=D

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Inferno astral

Crise mundial e existencial.
Alta do dólar, queda na bolsa.
Bancos em greve, hormônios em ação.
Tudo isso na semana do meu aniversário?

Pelos poderes de Grayscow, vamos levantar esse astral!

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Inquietação


Estou morrendo de vontade de fazer uma coisa que eu ainda não sei o que é...

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Nem Freud explica!

Tem gente que sonha com os números da loteria, gente que sonha que está voando, ou andando pelada na rua. Gente que sonha com o mar ou com viagens fantásticas.

Eu sonho com tudo isso e mais, muito mais. Devo ter uns 250 sonhos por noite. E pode parecer estranho, mas, em grande parte dos meus sonhos eu nem apareço! Nem conheço os lugares ou as pessoas que ficam se metendo nos meus sonhos. Eh como uma novela, sabe? E eu fico assistindo a tudo enquanto durmo.

Ou então, sonho com pessoas famosas. Só gente da Globo, pode? Dia desses, sonhei que era aniversário do Jô (Soares) e daí o Luciano (Huck) vinha aqui na minha rua (oi?) pra fazer uma homenagem pra ele. Trazia junto com ele (em um ônibus) uma tribo indígena pra fazer um ritual de alguma coisa pro Jô. E eu ficava aqui, da minha casa, espiando tudo.

Alguém sabe o que significa isso? O Luciano Huck e o Jô Soares em Caruaru, com um monte de índios e um ônibus no meio da rua?

Bom, noite passada sonhei com a Malu (Mader). Ela sofria um acidente terrível e eu era encarregada de dar a triste notícia pro Tony (Beloto). Passei a noite inteira pensando em como iria fazer isso, enquanto lamentava pela morte da Malu.

Como pode alguém, como eu, sonhar com uma coisa dessas? Eh curioso porque eu não sou fã da Malu. Não gosto, nem desgosto. Não a acho feia, nem bonita. Ou seja, a Malu Mader não tem relevância alguma em minha vida.*  E aí ela aparece morta no meu sonho, com um monte de gente que eu nunca vi, e provavelmente nunca vou ver, e me faz ficar correndo atrás do marido dela pra dar uma notícia desagradável como esta... Acordei exausta!

Será que Freud explica?

*Magoa não tá, Malu? Mas eu preciso ser sincera pras pessoas entenderem o que eu quero dizer. E, se serve de consolo, eu te achava o máximo em "A Justiceira".

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Eu, Gestora de Varejo?

Fotinha da Colação de Grau, ano passado.

Esqueci de contar - eu ando esquecendo tudo! - mas agora estou fazendo um curso de Gestão de Varejo, pela UPE. Não sei onde eu estava com a cabeça quando resolvi entrar nessa, afinal, há menos de um ano terminei minha faculdade de publicidade, não tenho tempo pra nada e ainda me meto numa dessas...

Não pretendo me inserir no mercado de trabalho e, embora saiba que conhecimento nunca é demais, ando sem a mínima paciência pra estudar, sobretudo, quando se refere à matemática, inglês instrumental e outras disciplinas básicas que eu devo ter visto há uns oito anos atrás.

Acontece que surgiram as vagas, a oportunidade, o curso é "digrátis"... então fomos lá, eu e Dieggo, e fizemos a nossa inscrição aos 45 do segundo tempo, dois dias antes da prova. Ele, sabido que é, ficou em 2º lugar. Eu? Bom... eu fiquei em 17º.

Até agora não me apaixonei, não rolou... Mas a gente tá só se conhecendo (eu e o curso) e quem sabe lá na frente não rola uma química? Quem sabe?

terça-feira, 7 de outubro de 2008

Você sabe?


Sabe quando você percebe que a cidade é pequena demais, tão pequena que você mal cabe nela?

Sabe quando você sente uma vontade enorme de chorar, não porque esteja triste, mas pela tentativa de desatar esse nó na garganta que apareceu assim, sem motivos?

Sabe quando você gostaria mesmo é de rasgar a alma inteira, e aí começa a ouvir Nando Reis e Zeca Baleiro, mas a vontade só aumenta?

Sabe quando você tem a impressão de que o tempo parou, bem do meio de uma terça-feira-sem-graça?

Eu sei...

Onde há fumaça, há fogo.



Premonição, sexto-sentido, intuição feminina. Podem chamar do que quiser. O fato é que, quando nós, mulheres, cismamos com alguma coisa, pode apostar que "tem caroço nesse angu!". Todas as vezes que me bateu uma desconfiança assim, "do nada", logo em seguida veio a confirmação. Principalmente quando tem outra mulher no meio. Sim, porque a gente é capaz de reconhecer uma "periguete" a milhas e milhas de distância. E quando aquela luzinha de alerta começa a piscar, é um sinal de que devemos nos precaver, porque quando essa luz pisca, não tem jeito, é infalível. In-fa-lí-vel!

As vezes (só as vezes) eu gostaria de estar errada. Principalmente em situações assim. Mas embora eu pareça desligada e tenha essa carinha de boba, até o presente momento, meus caros, todas as minhas suspeitas se confirmaram. Todas! E eu nem precisei bancar a detetive ou encostar neguinho na parede. As coisas simplesmente se revelam, simples assim...

Eis o lado bom (ou não) de ser mulher. A gente sempre sabe onde está o fogo. Mesmo que não haja fumaça!

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Assim não pode, assim não dá!


Tenho milhões de coisas pra fazer. Sempre. E ainda arrumo tempo de vir escrever bobagens aqui... Tem tanta coisa pendente que só de pensar, pronto! Já estou morta de cansada. Por mais que eu corra, nunca dá tempo de resolver tudo, sempre fica algo por fazer, sempre.

Daí vou fazer minha listinha de tarefas e nem sei por onde começar... Quando tento priorizar mentalmente, começa a tocar uma música bem alto na minha cabeça e eu perco o raciocínio (isso é normal?) aí, já viu... desisto.

Minha cara está péssima, a dor no ombro me matando. Claro que eu fui ao médico, mas ele disse que era stress, pode? Mimata!

Então eu fico engolindo um Dorflex a cada duas horas, o que me deixa com as pernas bambas, visão embaçada e um soooono... Lenta, muito lenta :P

E, por mais que eu corra, pareço nem sair do lugar. Então, ou aumentam o dia (que tal 30 horas, pra começar?) ou diminuem minhas funções, porque assim, do jeito que está, não pode... Assim não dá!

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Guerra dos Sexos

Clique na imagem para ampliar

Coincidência ou não, desde a semana passada tenho recebido vários e-mails que brincam com as diferenças existentes entre homens e mulheres. Nas minhas andanças pela blogosfera, também vi que alguns blogs queridos andam trazendo discussões sobre o tema. E adivinhem quem leva vantagem? Agora, adivinhem quem leva a fama de louca, paranóica e interesseira? 

Então, resolvi usar esse espaço para protestar!

Atenção meninos: Mulheres são inconstantes, têm TPM, intestino preguiçoso, mudam de humor e de cor de cabelo o tempo todo, são viciadas em espelhos e acreditam que são capazes de mudar os homens e melhorar o mundo. Mulheres não entendem nada de futebol, nem de carro, mas são capazes de decorar o hino inteirinho do time do namorado, só pra deixar ele cheio de orgulho. E ainda levantam o astral dele quando o time leva a maior goleada do adversário. 

Agora, me digam: Que graça teria se fôssemos previsíveis, acomodadas, sempre sorridentes e com o cabelo da mesma cor, o ano inteiro? 

Tudo bem que a gente não sabe trocar pneu, porém, em compensação, nos equilibramos sobre um salto agulha com a destreza de uma bailarina. Passamos horas em frente ao espelho, com a sutileza de um artista plástico, caprichando na maquiagem, só pra ficar mais bonita, adivinha pra quem? 

Não, não é pra fazer inveja à amiga, nem as outras mulheres da festa. Eh pra vocês, homens, maridos, namorados... 

Portanto, ao invés de ficar fazendo gracinha das nossas manias, tenham ao menos a gentileza de dizer coisas do tipo: “Puxa, valeu à pena esperar!” 

Aposto que essa simples fase vai lhe garantir um sorriso, um brilho nos olhos e a certeza de ter ao seu lado uma mulher bem humorada. Só não resolve o problema do intestino, mas, pra isso, existe o Activia*, não é? 

Abaixo, uma frase machista que recebi num desses e-mails machistas, cujo autor (machista) eu desconheço: 

“No começo, Deus criou o mundo e descansou. Então, Ele criou o homem e descansou. Depois, criou a mulher. Desde então, nem Deus, nem o homem, nem o mundo tiveram mais descanso.” 

*Isso é assunto pra outro post!


terça-feira, 30 de setembro de 2008

Crise dos 30?


Que nada! Afinal, ele ainda tem carinha de 15 (oia!). 

Esse post deveria ser feito ontem, mas eu tava numa correria tão grande pra preparar café da manhã (que levei na cama!), organizar festinha surpresa e ainda fazer todas as nossas obrigações diárias, que acabei sem tempo de entrar na net, então vão desculpando aí, please!

O fato é que esse moço relutou, me enrolou, fez de um tudo, mas não teve jeito: Teve que assumir a sua idade! Eu sei que ele vai odiar esse post, vai brigar comigo e ficar bravo, mas eu tinha que falar do orgulho que sinto desse "coroa" que tá com tudo em cima, lindão, o maior gato :)

Amor, estressa não... Tu vai ser sempre o maior sucesso, com 30, 40, 50... E ainda vai ter ao teu lado uma jovem, linda e morena - talvez loira, vou pensar no seu caso!!!

PS: Te amo!

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Esqueci o que eu ia falar...

Você descobre que as coisas não estão indo bem quando guarda o Cheetos na geladeira e o Acido Retinóico* na gaveta de calcinhas. Percebe que está ficando velha quando a memória começa a falhar. Descobre que está sobrecarregada quando pega o telefone pra fazer uma ligação urgente e de repente, não mais que de repente... Eu ia ligar pra quem, mesmo? Ah, deixa pra lá! 

Percebe que talvez esteja louca quando corre em direção a alguém, dizendo: “Deixa eu te contar uma coisa!”. E aí, a euforia era tanta que, dentro de dois segundos, você não tem a mínima idéia do que tinha pra contar. 

Você saca que a cabeça tá ruim quando fala vááááárias vezes ao dia: “Eu esqueci o que ia falar”. E você também saca que isso é um saco! 

Daí, você percebe que precisa procurar um médico... Mas, quando lembra que ele vai te diagnosticar stress (tá na moda!), você desiste logo e percebe que é melhor continuar atendendo a maçã e comendo o telefone. 

(Talvez, voltar a tomar as vitaminas com ginseng e guaraná ajude, né?) 

*Não conhece? Joga no Google!

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Se segura, Gisele!

Há tempos eu troquei as minhas tampinhas de coca-cola por um Coke Player, mas nem cheguei a abrir a embalagem, alegando que iria guardar para o meu filhinho. Acontece que ele só deve nascer daqui a uns cinco anos, e levaria no mínimo, mais cinco pra brincar de pular corda.

Por outro lado, o verão tá chegando, minha barriga aumentando, e ele reclamando. Pra completar, tem uma tal de Gisele que vive me persegundo e insiste em aparecar na minha frente em "tudoquantécanto", seja na internet, na revista que estou lendo, na televisão... E eu sei que ela faz isso de propósito, só pra me matar de inveja!

Então ontem eu resolvi iniciar minha "operação verão" (ou seria "operação vergonha na cara"?) e, num momento de fúria, tirei meu Coke Player do saquinho, afastei os móveis da sala e me danei a pular corda! Pra aproveitar o embalo, e porque ele insistiu muito, ainda fiz uma série de abdominais e outros exercícios que irão ajudar a me livrar das "pochetes".

Se eu continuar nesse ritmo, ela vai ver só!

Se segura, Gisele... Se segura!

terça-feira, 16 de setembro de 2008

Havaí vou eu!!!

Que Big Brother que nada! Eu quero é ir pra Lost! Imagina só, passar uma "temporada" numa ilha deserta (onde ninguém fica doente), fazer novas amizades e ainda voltar de lá famosérrima?! Levando em consideração minha visão empreendedora, isso me renderia não apenas um, mas vários milhões! E olha que eu nem precisaria tirar a roupa na TV, ou assinar um contrato com a Playboy. 
Não é o máximo? Se bem que tem aquela fumaça negra e todos os outros mistérios apavorantes da ilha, mas eu vou entrar na penúltima temporada, onde os segredos serão desvendados e os personagens irão caminhar em direção ao final feliz :)

O quêêêê? Não acredita em mim? Oh nós ali na foto, bem no centro, entre o Dr. Jack e o Sayd!

E aí, quer um autógrafo?

terça-feira, 9 de setembro de 2008

Hi, people!


Não, ainda não desisti disso aqui, embora, as vezes, pareça! Eh que aconteceram tantas coisas (boas!) nos últimos dias que ando correndo contra o tempo pra dar conta de tudo, tenho que aproveitar a boa fase, né? Daí, por outro lado, me falta a danada da inspiração. Ou seriam informações em excesso e dificuldades pra selecioná-las? Bom... enquanto eu procuro a resposta, vou ali, resolver umas pendências!

PS: Hoje ainda é terça-feira, o dia tá ensolarado e pelo jeito teremos uma semana linda pela frente. Não tá tão bom assim pra você? Corre atrás, mete a cara e dá um jeito de deixar tudo mais bonitinho!

Frase do dia: "Você é o que quer!"

quarta-feira, 3 de setembro de 2008

#@%$*!



Ontem acordei com o dia todo programadinho, escrevi na minha agendinha (já falei aqui que tenho mania de escrever T-U-D-O na agenda?) todas as coisas que teria pra fazer durante o dia. Acordei, tomei banho e aí, eis que o dia resolve funcionar todo ao contrário! Sabe quando tudo começa a dar errado? Pelamordedeus!!!

"Parem o mundo que eu quero descer!"
Antes de me descabelar, sair chutando o pau da barraca ou tomar um calmante, como boa libriana*, resolvi tomar uma atitude mais sensata: chamei uns 300 palavrões (brincadeirinha, nem conheço tantos!) daqueles que libertam, purificam, relaxam e nos fazem encontar o eixo. Respirei fundo e pronto! Fui dormir muito mais tranquila.

Experimente fazer o mesmo e você sentirá sua alma bem mais leve. Exorciza tanto quanto o culto das quintas da Igreja Universal.**

* Não, eu não acredito em astrologia.

** Não, eu nunca fui à Igreja Universal.

terça-feira, 2 de setembro de 2008

TPM - Pequeno Guia

Não, o texto abaixo não é meu (quem dera!). Foi escrito pelo Sr. Insônia no blog Mulheres (Im)Possíveis. Aliás, pra quem ainda não conhece o blog, sugiro dar uma passadinha por lá, é tudo de bom!

Mas, voltanto ao texto, o autor sugere imprimir e colar na geladeira para o marido/namorado memorizar. Porém, como o meu "namorido" tá sempre espiando o que eu escrevo aqui, acho que esse é o melhor lugar! Vocês podem colar na geladeira, enviar por e-mail ou deixar sobre a mesa, como quem não quer nada... O importante é que ele leia :)

Lá vai:


TPM - Pequeno guia

PERIGOSO: O que tem pro jantar?
SEGURO: Posso te ajudar com o jantar?
SEGURÍSSIMO: Onde você quer ir pra jantar?
ULTRA-SEGURO: Aqui, come esse chocolate.

PERIGOSO: Você vai vestindo ISSO?
SEGURO: Nossa, você fica bem de marrom.
SEGURÍSSIMO: Uau! Tá uma gata!
ULTRA-SEGURO: Aqui, come esse chocolate.

PERIGOSO: Tá nervosa por quê?
SEGURO: Será que não estamos exagerando?
SEGURÍSSIMO: Toma 100 reais.
ULTRA-SEGURO: Aqui, come esse chocolate.

PERIGOSO: Será que você devia comer isso?

SEGURO: Sabe, ainda tem bastante massa.
SEGURÍSSIMO: Quer um copo de vinho pra acompanhar?
ULTRA-SEGURO: Aqui, come esse chocolate.

PERIGOSO: O que você fez o dia todo?

SEGURO: Espero que você não tenha trabalhado demais hoje.
SEGURÍSSIMO: Adoro quando você usa esse robe!
ULTRA-SEGURO: Come mais um pouco de chocolate.

PERIGOSO: Você engordou?

SEGURO: Você emagreceu?
SEGURÍSSIMO: hummmm. Você tá ainda mais gostosa…
ULTRA-SEGURO: Sabe onde eu quero esse chocolate?

PERIGOSO: Aquela sua amiga é bonita, hein?

SEGURO: Coitada dessa sua amiga… se acha gostosa…
SEGURÍSSIMO: Sou muito mais você, delicinha…
ULTRA-SEGURO: Amiga? Que amiga? Quer mais ‘totolati’ ?

segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Está decidido!

Decidi que não vou mais decidir nada durante a TPM. Eh melhor assim, sabe? Não quero ser cruel! Não que eu seja a mocinha mais boazinha do planeta, mas acontece que, nesse período, fico exageradamente má. Muito mais sarcástica, absurdamente irritada e incrivelmente inconstante. Fico com raiva de todo o mundo, todo mundo mesmo, sem exceções. Do autor da novela das oito, até a voz da Fátima Bernardes, tudo me irrita. Nem eu escapo de mim mesma: considero-me a criatura mais insuportável do planeta (ok, nesse período EU sou a criatura mais insuportável do planeta). Não sei como as pessoas me suportam, como conseguem não me matar, não me mandar embora... Pior: não sei como estou comprometida há quatro anos – ele diz que convive com uma mulher nos primeiros 15 dias do mês, e com outra (totalmente diferente) nos outros 15 – mas é exagero, não dura tanto tempo assim... Eu acho!

(...)

sexta-feira, 29 de agosto de 2008

Minha vida (nada) saudável

Não é de hoje que eu (finjo) tento ter uma vida mais saudável. Maneirar nas frituras, evitar doces (que tortura!) e começar a correr na segunda são ações que fazem parte do meu super plano. Tenho também que evitar a cafeína, pra manter os dentinhos brancos e saudáveis, além de escová-los toda hora, claro! – Isso já tá virando paranóia...

Estou tomando um complexo vitamínico que contém ginseng, pra me dar mais disposição, e acho que tá funcionando, pois estou acordando mais cedo, e, conseqüentemente, dormindo na hora certa. Quer dizer, estava! Ontem, coloquei todos os meus planos por água abaixo. Deu vontade de tomar café (raramente tomo café) e então, tomei! Bem no meio da xícara, minha irmã põe sobre a mesa uma linda garrafa de coca-cola. Pra não morrer na vontade, tomei só um copinho e voltei pro meu café.

Resultado: Essa overdose de cafeína me deixou acordada até as 4h da manhã. Dormi mal, acordei pior ainda. Almocei batata-frita e até agora não tomei meu complexo vitamínico uma só vez.

Acho que antes de tentar ser uma pessoa saudável, tenho que me tornar uma pessoa disciplinada.

Tá difícil...

"A natureza lhe dá o rosto dos 20. A vida talha o rosto dos 30. Mas depende de você merecer o rosto dos 50."
(Coco Chanel)

quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Termos de privacidade do Orkut


Deus (ou o diabo) fez surgir o Orkut. Este, por sua vez, conquistou milhares de adeptos em todo o mundo, inclusive eu!

Mas, se tem algo que me chateia, me enche o saco, me irrita mesmo, é a tal da Privacidade do Orkut. Pelamordedeus! Tem coisa mais chata do que receber um scrap e não ter o direito de resposta até que a outra pessoa te aceite como amigo? Entrar lá pra deixar um recado e ver a frase : “nenhum recado seu” ? Ui!
Fico estressadinha quando vou olhar um álbum e lá está: “Você pode ver 0 de 325 fotos”.

(Sim, eu olho o Orkut alheio, eu gosto de ver gente, e que atire a primeira pedra quem não faz o mesmo. Mas que fique bem claro: meu visualizador de perfis está ativadinho da Silva! Ou seja, não faço nada escondido, não! Se eu for bisbilhotar o teu perfil, você será o primeiro a saber! )

Mas aí, a pessoa cria a conta, enche de fotos, adiciona um monte de gente, participa de 500 comunidades e depois sai bloqueando tudo, por que resolve que quer ter sua intimidade preservada. Peraêêêê! Quer privacidade, minha filha? Cancela esta conta! Se tranca em casa, compra uma peruca e um óculos beeem grande. Pra quê Orkut, então?

Todo mundo há de convir que participar do Orkut, por si só, já é uma exposição. Agora, cabe a você selecionar as informações que serão colocadas lá, cabe a você decidir até onde quer expor a sua vida.
Mas, se entrar na dança, faça-me o favor de dançar!